Processo Evolutivo

Processo Evolutivo

Assim, se passaram muitos anos sem a tradicional preocupação que invade as rotinas, as propostas e as tantas manifestações que digerimos, assentamos e após vomitamos no emergir do sufoco.

Parece um treino ritmado de natação, que  inspira com a boca e solta pelas narinas,  mas que inverte no processo.

O que entra pela boca,  são talvez, coisas de que não estamos precisando, mas  de acordo com a total necessidade que se instala, entram cores, espessuras, vibrações de todas as categorias e faixas de elaborações em fragmentos desnecessários para o treino.

Assim, nos fartamos de guloseimas, processos crocantes  de alto sabor e teor em artifícios que somente enganam o paladar, alterando o estado de ânimo para quem está quase a se sufocar.

Daí o peso se eleva, o bolo do estomago infla e sacia os desejos momentâneos.

Não dá mais para existir neste processo  de descamação digerida e camuflada.

Não, este tipo de invasão deve ficar longe da receptividade de qualquer ser.

O certo e válido é colocar um sensor que  habilite nas práticas tão bem estudadas e que estão no stand by da carreira e estrada,  de tão bem guardadas, necessitam de muitos passos em alcançá-las.

Certamente, passos sonsos e sem o grande estímulo são os que mais  acompanham, porque com certeza, se estivesse nos passos desbravadores da ordem dos comandos mais íntimos e na certeza de que estão alicerçados na bravura de uma grande guerreira, não estaria descrevendo tais coisas.

Ao  acordar,  é preciso estar  ligada, plugada e vigilante da total situação, para que não mais ocorram  tais enganações nas artificialidades que a vida despeja a todo instante.

Encontrar no mais íntimo acolhimento,  que sugere a atenção de mim para mim, focar em elaborações minuciosas e destrinchar  detalhe por detalhe do que está prestes a se solucionar e a falta para um maior entendimento.

Soluções são muitas, saber em qual atacar é  primordial.

Raciocine o que entra ao seu entendimento.

 

Mili

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *