Elos

 

Todos Em Casa

Alegria maior não existe,

Quando o assunto é o estar,

Encontrando neste embalo,

Alegria e aconchego,

Felicidade e mais amor!!!

@@@@

Na presença destes elos,

Que me fazem mais feliz,

Completam nesta  estadia,

Mais serena,

Doce  e descomplicada,

Só assim já vale à pena!!!

@@@@

Eu jamais seria integrada,

Nesta parte tão difícil,

Em viver nestas paragens,

Sem os elos que só fazem,

Diferença aos aprendizes!!!

@@@@

Dão vida e provocam,

Sabedoria no entusiasmo,

Alegria nas adversidades,

Mais amor e compreensão,

Em qualquer plano de ação!!!!!!!!!!!

@@@@

É desta forma que entendo,

Dos minutos tão preciosos,

Como a mana Maria Teresa,

Inteligente e sempre pronta,

À exaltar…

“Este  é um momento de felicidade,

A felicidade não existe,

E sim,  estes momentos preciosos,

Que estamos em compartilhar…”

@@@@

Mili

 

 

 

 

Mãe 9.5

Mãe 9.5

Mãe 9.5

No dia dezenove de novembro, data da comemoração do aniversário da minha mãe, fiquei a refletir sobre o significado em repassar de tempos em tempos, a idade que chega, trazendo tanta desenvoltura , leveza, singeleza e a maior nitidez da fragilidade que ocupa, com traços tão sublimes e perfeitamente assentados da cabeça aos pés.

Liguei para dizer parabéns, visto que moro em outra cidade, mas ela já foi se deitar, repousar cedo e eu não consegui dizer os “Parabéns Mãe”, então, só tenho à esperar por mais um amanhã…

A certeza de que estará lá, sempre aguardando a chegada de cada filho é meu escudo de evitar a pensar algo ao contrário…

Coisas de filha apaixonada pela mãe que tem, independentemente das circunstâncias de resgates,entendimentos, vivências e coisas que somente eu e meus onze irmãos sabemos…

Hoje ainda, um pouquinho só mais madura, não sei se dei a conta do que é ter uma Mãe 9.5, pois ainda desabrocha em seus questionamentos de mãe, tantas formas ainda de menina, mulher que por vezes quer uns ajustes em seu corpito, sensualidade de mulher no seu cheiro e perfume tão encantador e o mais profundo de todos, a leitura do seu olhar.

Ah, o olhar da minha mãe, desde sempre, corrige, admira a sua cria, fazendo comparações de idades mais jovens, da qual a aceitação ou não da minha parte, pouco importa para ela e sendo mãe, é verdadeira e hoje eu sei , que ela sempre quer o melhor para todos os seus filhos.

Somente no amadurecimento, a carga de entendimento do que é ter uma mãe, avó, bisavó e tataravó desta idade é que se concluem, somente com a maturidade, os valores são interpretados na sua sequência e entendermos estes passos é a melhor escolha que fazemos, passo à passo, sem grandes exigências para com o outro como à nós mesmos…

Cada um é cada um, cada qual com sua vivência e interpretação do ser e seus significados, cabendo à cada integrante da família, resgatar à medida que amadurecemos, com amor e muita serenidade estas reflexões tão úteis para as gerações vindouras.

Creio que neste desenrolar de percepções da maturidade com todo o amor que aplicarmos às gerações que estão chegando, estaremos plantando bons frutos e conexões bem profícuas para quando chegarmos nesta idade.

Salve Mãezinha!!!!!!!!!!!!!

Mili

Poema Para Zezé

Olhares

 

 

Aparecida José

 

Desde então, irmã amada,

Seja no tempo que for,

Busco por mais palavras,

Atravessando os horizontes,

Nas melodias que canto,

Sem os versos,

Com pronúncias sem nexo…

Buscando estar à altura,

Das doces e firmes palavras,

Que tanto você conseguia,

Animar à qualquer custo!!!

 

@@@

Destacar o que?

Neste horizonte perdido!!!

Busco por tua essência,

Mesmo sabendo,

Que no mais ainda reside…

@@@

No muito mais que resplandece,

Mas, na minha egoísta,

Pequenina e frágil,

Maneira de enxergar,

Visão tão curta ainda,

Qual aprendiz à engatinhar!!!

@@@

Você é mestra,

Na essência forte e guerreira,

Que abriu em seu caminho,

Forte marcha da  sabedoria,

Acendendo os candelabros,

Da ignorância à maestria!!!

@@@

Sim, sois a própria magia,

Que alterou no espaço/tempo,

Muitas formas em aprender,

Percorrendo no extenso caminho,

Junto aos seus aprendizes,

Da maneira mais sublime,

Questionando e  aflorando o saber!!!

@@@

Nas muitas formas de raciocínio,

Percorre o extenso caminho,

Junto dos aprendizes,

Que exaltam,

Balbuciam ainda mais,

Na busca de maior brilho,

À esperar no aprender,

Em saber e responder,

O que é Ser???

@@@

Mili

 

 

 

O Relógio Que Canta

O Relógio Que Canta

 

Estou  aqui, com meus questionamentos, quando repentinamente, o relógio começa a tocar os  três cantos do pássaro.

A cada hora que escoa, o pássaro canta e daí o sorriso vem, a lembrança de algo bom começa à compartilhar as minhas lembranças e as expectativas de melhoras começam a surgir.

Como é possível, num simples canto  de pássaro, remeter e também acordar para algo novo e inspirador?

Presente da minha madrinha Maria Wilma, dado com tanto carinho, e ela nem imagina a alegria que é,  à cada hora que se passa, a alegria do canto do pássaro inundar a minha audição com tão suave canto.

Daí, fico a perceber  sobre a lição que este relógio que canta ,trouxe para a minha vida.

Será que podemos ser como o canto desses pássaros do relógio, que trazem a alegria, felicidade e tamanha ternura?

Escrever e detalhar sobre esse meu pensamento é facílimo, quero ver o conseguir  ser essa felicidade, viver e contagiar para que outros possam sentí-la como eu sinto e ainda mais, ser lembrada sendo eu essa felicidade.

Não é nada fácil nestes tempos de tamanha turbulência, onde cada um vive para si, testemunhando que o tempo é curto demais para tais fragilidades.

Então, mais uma vez, os ponteiros batem mais uma hora e o pássaro assobiando novamente, trazendo à tona mais felicidade e a certeza de que não importa o tempo que for, estarei na esperança em ser melhor, ser lembrada apenas pela minhas atitudes no bem e poder contagiar sempre alguém que estiver necessitando de forças para prosseguir.

Sei que não é fácil ser isto tudo, talvez consiga nesta vida, ser apenas uma pontinha deste meu querer, mais já é um bom início para prosseguir como o canto do pássaro me influenciou.

Reflita sobre o seu querer ser e se revestir dessa felicidade, contagiando à todos que encontrar nesta caminhada.

Mili

 

Não Se Leve Tão À Sério ( Parte 5 )

A ousadia faz sentido, quando o assunto é a plenitude no  sentir.

Um sentimento que assusta a maioria das pessoas que não estão habituadas à experenciar nas profundezas deste tão sublime e almejado sentido e por sua maioria tão esquecido.

O sentir com profundidade, cada pedaço de nosso corpo,  na exploração do chão que pisamos à cada andar descalço, sobre quaisquer superfície.

O sentir no aroma que cada planta nos fornece, provocando o despertar de maiores sensações em suas enumeráveis espécies.

Esse sentir de perfumes que cada flor nos fornece e exala,  somente favorecendo os sentidos na profundidade com que nos remetem com cada essência trabalhada na cura.

A profunda e eficaz sensação do calor de duas mãos, que juntas, fazem uma alma tremer.

Duas mãos eloquentes, percebem na fricção, onde e quando agir para a cura que se instala ou a mais sublime carícia que é percebida, neste estímulo do sentir.

O tudo do mundo de fora, existe no tudo do nosso ser.

Perceba-se através do sentir, entregue-se nesta leveza que sempre nos leva aos caminhos mais sublimes e apaziguadores.

Revele-se ao sentir, apaixone-se por você e expanda permanentemente este sentido por onde passar.

Enquanto isso, raciocine mais no sentir,

Mili

 

 

Não Se Leve Tão À Sério ( Parte 4 )

 

Mova-se com a total segurança de que, enquanto estiver vivo, do chão não passará.

Aí sim, algum dia, quando não estiver mais em funcionamento, você, eu e todos, seremos lançados à sete palmos, com ou sem palmas, ou, virarmos cinzas com estes corpos tão bem tratados, sarados e tão bem trabalhados e  torneados…

Aí sim, o chacoalhão entra em cena, despejando a “Magna Carta” aos nossos olhos, pensares, raciocinares e escolhe, a melhor opção na lição, a  fim de aprendermos à nos vermos e vivermos sem muito à esperar.

Apenas colher os resultados do ontem e  tão somente nada mais…

Ação e reação, eis a lição de tamanha significação.

Não exagere nos seus atos, saiba da  sua medida.

Não se exceda e nem tão pouco se inferiorize.

Seja simplesmente este ser que nada espera, mas simplesmente anseia por melhores resultados nos passos à passos.

Raciocine os seus passos.

Até a próxima,

Mili

Incontrolável Força Do Tempo

 

 

Incontrolável Força do Tempo

Incontrolável Força do Tempo

Na triste  manhã de inverno, acordo tarde demais,  para enfrentar os duros dias que se apresentam   e me sugerem um aperfeiçoamento e correção de tudo o que ambiciono para as próximas temporadas.

Pois quem está vivo, as temporadas se levantam, exigem  e adormecem muito mais depressa do que imagino.

Os dias que seguem, têm a cadência tão mal colocada por mim, que até o meu respirar, precisa de um reparo maior.

É mais encantador, contar as vezes que suspiro,  do que perceber o dia que vai se indo…

Impressionante é o cálculo de previsões que nem sempre chegam a se firmar. Será que as minhas contas não batem com o tempo que estou a experimentar?

Será que é necessário um novo instrumento que possa medir e calcular as vezes que me pego indagando sobre a melhor forma de prever e acontecer?

Não sei não, tudo está muito depressa e exigente demais. Já não se faz tardes longas, conversas que giram o mundo em apenas algumas horas…Onde apenas nos enriquecemos com a imaginação, somente ouvindo alguém que se propõe a nos contar sobre suas idas e vindas tão bem colocadas.

Que beleza experimentar uma tarde lançada  num sofá, um chá e um bom papo entre amigos, filhos ou alguém a nos procurar para também dissertar.

Éh,  uma lista interminável de questionamentos quando o assunto é a adaptação do tempo com as nossas exigências dum modo de vida que nem sempre estão galgando na mesma velocidade.

Será que estamos no controle do nosso melhor repertório que é o dormir e acordar , crendo que seremos eternos nestes disparos de lances previstos, sempre na esperança que o amanhã será mais vasto, em se tratando de tempo e melhor que o ontem?

Faço votos de que a incontrolável ânsia que me assiste, esteja contribuindo para que os lances de dias melhores e bem mais aproveitados, sejam meus melhores aliados na minha idade avançada.

Porque senão, de que adiantam tantas correrias, tantas idas e vindas, na mais  acelerante que já fiz, para depois, tudo acabar-se em nada?

Hoje estou aqui, amanhã, talvez, encontram-me também do lado de lá,  e será que lá  é do mesmo jeito, em se tratando do melhor aproveitar o tempo?

Raciocine o tempo no PRESENTE, por quem foi feito este  EMBRULHO e como este chega em sua vida!

Mili

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Enquanto A Chuva Cai

Enquanto a Chuva Cai

No abandono das nuvens,

No despencar das travas,

Contidas e concentradas,

Espessas e intencionadas,

Os pingos fazem o trajeto,

Percorrendo o trilho da vidraça,

Fazendo cócegas,
Só para eu entender,

Que ela vem,

Trazendo na mesma marcha,

Um mesmo som,

De batidas incontidas,

Fortes, fracas e farrentas,

Só para eu acordar,

Raciocinar e lembrar…

@@@@

Que a vida continua,

Não importam os maus tratos,

Nem tampouco os finos hábitos,

Ela vem, ela vai,

E às vezes,

Faz estacionar,

Só para eu lembrar,

O quanto ainda tenho,

À criar, elaborar e esperar!!!

@@@@

Aguardando à cada instante,

Nos dotes que mais possuo,

Paciência, paciência e paciência!!!

@@@@

Enquanto isso,

A chuva cai,

Linda, forte,

Descompassada,

Com o seu som impecavelmente,

Ajustado e,

Breve nas pausas,

Forte  nas batidas,

Quando ao chão,,

Se despenca e esparrama!!!

@@@@

No seu chamamento à,

Criar, elaborar e,

Eternizar!!!

Momentos de Chuva!!!

@@@@

Mili

 

Sentindo Na Pele

Sentindo Na Pele

Sentindo Na Pele

 

A maior parte da minha vida, paguei firmemente uma “boa” assistência médica.

Quando mais precisei na gestação e nascimento dos filhos, na medida do possível, se é que assim pode-se dizer, fui “amparada” por bons médicos e bons hospitais, isso tudo à uns vinte e tantos anos atrás.

À alguns dias, fiquei acamada, com sintomas mil e lá fui eu, a um Pronto Socorro Particular Conveniado, com bom atendimento.Sendo medicada, com injeções, inalação e lá permaneci por algumas horas.

Não sabia ainda, o que era fazer um procedimento chamado de  inalação ,nestas minhas andanças por mais de cinquenta e tantos  anos de idade, então imaginem, jamais dei esse custo de procedimento ao governo/assistência particular, desde a minha infância até o presente  estado da minha vida.

Logo no outro dia, tinha que receber outra inalação e o médico do Pronto Socorro que me atendeu, disse-me que poderia fazê-lo também no Posto de Saúde mais  próximo da  minha residência.

Como existe  perto de casa um Posto de Saúde, lá fui eu, tomar a segunda inalação.

Para meu espanto e dor, lógico, ainda estava com dor por todos os poros do meu corpo. Uma grande  insatisfação aumentou ainda mais as dores, ao deparar-me pela acomodação dos pacientes, logo que adentrei naquele recinto.

Segundo, a quantidade de pessoas que estavam na espera com as senhas nas mãos e tão  mal coordenadas pelas atendentes que pareciam também estarem mais num ringue de lutas do que num Posto onde deveriam cuidar da nossa Saúde.

Lá encontrei recepcionistas com atendimento degradantemente  tedioso e algumas enfermeiras entediadas pelo tudo do mundo, então imaginem, que tipo de tratamento por lá encontraria…

E como faço parte desse tudo, lá estava eu, decepcionada, pois era um recurso, de direito e com o qual , eu deveria contar, nesta hora de sufoco também para mim.

Que  absurdo, a quantidade de pessoas que iam de um lado para outro, procurando informações.

Muitos pacientes, na maioria idosos e crianças, mal acomodados e  muitos funcionários indo de lá para cá, sem educação.

Uns tantos enfermeiros mal educados  e médicos mal humorados com  tamanha falta de atenção.

Tudo o que presenciei, um absurdo, pois, fui até lá para ser atendida e de lá sai sem o atendimento, ou melhor, sem  a dita INALAÇÃO.

Fiquei até com medo, categoricamente, muito medo,  de lá sair com maior infecção.

Sai de lá mais deprimida e inferiorizada.

Isso tudo, é somente o fato de um dia!!!!!!!!!!!!

Raciocine a EDUCAÇÃO ,sob todos os ângulos e aspectos  na  repercussão da sua falta.

Mili

 

 

 

Trevo De 3/4 Folhas(4)

 

 

Trevo De 3/4 Folhas(4)

Trevo De 3/4 Folhas(4)

As folhas,

Tão lindas,

Tão caras,

Tão raras,

Tão frágeis,

E delicadas!!!

@@@@

Exprimem,

À este Ser,

Que espera,

Com prece,

Com dedicação,

Com toda força,

Que só a natureza,

É capaz,

De tamanha,

Perfeição!!!

@@@@

Ela vibra,

Pra que eu vibre,

Ela se mostra,

Pra que eu também,

Me mostre,

Para este mundo,

Toda a beleza,

Que a Natureza,

Consegue captar!!!

@@@@

Transfere  nesta energia,

Toda a força,

Que sabe carregar,

Exprime através das cores,

Todos os tons que necessito,

Para acalmar o meu olhar!!!!!!!!

@@@@

 

Mili